domingo, 29 de novembro de 2009

Discos de cria via Sedex?


É possível o transporte de discos de cria via Sedex (Correios) como forma dos criadores evitarem a terrível consaguinidade ocasionada por meliponários com menos de 44 colônias, ou como forma de chegar nesse ótimo número de colônias através das divisões das mesmas? Sim, e ganha-se assim em velocidade na ação, pois o serviço mostra-se ágil, levando até dois dias para efetuar a entrega, o que permite um tempo hábil para que acha a utilização dos discos em uma divisão, mesmo sendo os discos "maduros" ou com crias prestes a eclodir.
Os cuidados no transporte se resumem em colocar os discos em uma pequena caixa de isopor, onde no seu interior "forramos" os discos com algum papel mais macio. Essa caixa de isopor deve ser furada com um palito de dente a fim de permitir a circulação do ar no interior da mesma.
Acomoda-se essa pequena caixa de isopor dentro de uma caixa de papelão maior e entre as duas "forramos" novamente com jornais amassados, como acontece no transporte de mercadorias frágeis. E fura-se também essa caixa de papelão com um palito de dente.
Não deve-se colocar alimento no interior da caixa, tipo cândi, pois pode atrais insetos, notadamente formigas, sendo assim um perigo aos discos de cria.
No mais é aproveitarmos essa possibilidade que temos de haver essa condição de renovação de material genético nas criações, permitindo que a criação se perpetue sem riscos de extinção

2 comentários:

Anônimo disse...

Muito bom seu blog, e saber que discos de cria podem ser trocados desta forma é tudibom para nós criadores. Gilberto Ferreira - AL.

Piero Binazzi disse...

Sou de Campos do Jordão_São Paulo
Gostaria de experimentar comprar discos de cria para jandaíras.